Farinha de amêndoas – Você sabe onde utilizar e como fazer?
Até pouco tempo atrás, nós brasileiros, nunca havíamos pensado em “fabricar” a farinha de amêndoas. Atualmente, ela é encontrada com bastante facilidade e seu preço ainda é alto para ser consumida com tanta freqüência. A confeitaria é sua maior fã. Bolos, recheios, docinhos e em massas de torta. Passou a ser conhecida e difundida no Brasil, através do famoso doce francês: Macarons. Quem ainda não experimentou, não sabe o que está perdendo! Mas, como todo bom brasileiro, sempre damos um jeitinho para tudo. Criamos nossa própria farinha de amêndoas, muito mais econômica: Uma mistura de amêndoas e castanha de cajú. Para fazer o macarons, por exemplo, misturamos 30-40% de farinha de amêndoas e o restante, misturamos farinha de castanha de caju. Sabor? Perde-se muito. Qualidade? Longe de passar no teste. Portanto, quando for comprar suas amêndoas, compre com a pele (custo benefício), faça a retirada da pele, seque-a na frigideira, resfrie e bata no liquidificador. Sim, bater o no liquidificador é o segredo para fabricar a sua farinha! Mas atenção: Dependendo da potência do motor, você irá precisar segurar o liquidificador no ar e com uma mão na base e outra no copo, fazer aquele famoso movimento “vai e vem” para que todas as amêndoas consigam passar pela lâmina. Sobraram pedacinhos? Passe pela peneira. Está pronta sua farinha de amêndoas e agora, é só usar a imaginação e causar uma boa impressão!
Benefícios das Amêndoas
Dica da Nutri: A amêndoa é considerada uma semente oleaginosa. Você sabe o que é uma oleaginosa e o que ela promove? 
São ricas em muitos nutrientes, como: Vitamine E, magnésio, selênio, zinco e manganês. Atua na manutenção da saúde, por ser associada ao aumento da longevidade e ajuda na prevenção do desenvolvimento de doenças cardiovasculares. As sementes oleaginosas são responsáveis por reduzir as concentrações sanguíneas de LDL (colesterol ruim), triglicerídeos e aumentar a concentração das taxas do bom colesterol. Reduz também a pressão arterial e processos inflamatórios. 
A amêndoa além de saborosa e nutritiva protege contra o diabetes tipo 2, doenças cardíacas reduzindo os níveis de LDL (os conhecidos como colesterol ruim) e os níveis de açúcar no sangue isso é bom ou não é então.
Que tal incrementar suas preparações com esse delicioso ingrediente?

Voltar